SEBRAE-SP lança estudo inédito sobre compras públicas, no 64° CEM

0
171

Um estudo inédito no Estado de São Paulo, sobre compras públicas e Micro-Empresas, foi lançado na manhã desta terça (29), durante o segundo dia do 64° Congresso Estadual de Municípios, que acontece até amanhã, em Campos do Jordão.
Camila Patrício, Consultora de Políticas Públicas SEBRAE-SP, foi quem apresentou o estudo. Dentre os dados apresentados, Camila informou que os Municípios estão comprando mais de micro-empreendedores locais, sendo que destes 54,5% são micro-empresas, 31,1% são MEI, e 14,4% EPP. “Hoje, 78,9% MPEs são contratadas pelas prefeituras. Isso mostra a participação das micro e pequenas empresas no dia a dia de trabalho dos municípios”, afirmou.


Entretanto, Camila apresentou um dado importante com relação à utilização da produção de alguns setores que podem entrar em crise com o passar do tempo: “Chamo a atenção de todos. Apenas 1,2% da agricultura familiar está presente em tudo o que é comprado para a merenda escolar […] Por isso, peço maior atenção por parte dos gestores municipais para alavancar este setor”, declarou.


Salto de Pirapora- SP foi o primeiro município a desenhar o planejamento dos processos licitatórios para preparar o ambiente às adequações impostas com as novas leis de licitações. O prefeito Matheus Marum de Campos,reconheceu a importância do SEBRAE nesse processo. “O Sebrae levou uma equipe para capacitar os servidores da prefeitura. Hoje, temos uma equipe extremamente competente para processos de licitações e compras”, disse ele.


Miriam Chaves, Head de inovação da Lemobs, também destacou pontos importantes a respeito da alimentação escolar, e o processo de licitação da nova lei que será implantada no país. Segundo Miriam, um cardápio estratégico voltado para a alimentação escolar é necessário para apontar os desfalques e necessidades.”Todo este panorama também colabora para solicitar os alimentos de cada escola, o que também implica no processo licitatório da compra de merenda”, explicou.


Leonardo Ladeira, CEO do Portal de Compras Públicas, por sua vez, detalhou os objetivos e as funcionalidades do portal de compras públicas; plataforma que possui parceria com o SEBRAE. A partir do portal, é possível que os gestores tenham acesso às informações que os orientam quanto à questões legais do processo licitatório e de compras. “Mesmo todo o processo sendo feito de forma digital, a vantagem competitiva das empresas que compõem o espaço físico dos municípios é mantida”, assegurou.