APM faz parceria para instalar Postos Digitais do INSS nos municípios

0
271
João Inocentini, presidente do Sindnapi
João Inocentini, presidente do Sindnapi

A maioria dos municípios brasileiros não disponibiliza uma agência do INSS para que os cidadãos possam requerer sua aposentadoria, pensão por morte, salário maternidade,
assistência à pessoa com deficiência, revisão do benefício, dentre mais de 30 outros serviços. Para equalizar esse problema, a Associação Paulista de Municípios (APM) estabeleceu parceria com o Sindicato Nacional dos Aposentados, Pensionistas e Idosos (Sindnapi), entidade que recebeu autorização do Governo Federal para instalar postos de atendimento do INSS Digital em todo território nacional.
O INSS Digital é um novo, moderno e ágil sistema de atendimento do INSS, onde os cidadãos não precisam mais se submeter a longas filas ou meses para serem atendidos, pois não há necessidade de agendamento e os procedimentos são realizados on-line.
Nesse novo modelo de atendimento, todos os procedimentos são eletrônicos, acabando com os processos físicos, em papel. Para o atendimento, basta o cidadão apresentar
os documentos originais como Carteira de Identidade, Carteira de Trabalho, comprovante de residência, carnês de contribuição e outras documentações, conforme o serviço específico requerido.
Um dos grandes avanços no sistema digital é que o requerente não precisa mais deixar as cópias dos documentos, já que eles serão digitalizados e encaminhados on-line para a
Central de Análise, em Brasília.
Para acompanhar a tramitação, o munícipe recebe um número, que permite a verificação por meio dos sites inss.gov.br ou pelo Meu INSS, no link meu.inss.gov.br, disponível
em aplicativo de celulares e na web.
Para João Inocentini, presidente do Sindnapi, “a expansão do INSS Digital com a APM representará a solução de um problema para milhares de pessoas no Estado de São Paulo que, por não contarem com agências em seus municípios, veem-se obrigadas a se deslocarem para outras cidades, o que causo transtornos e custos para requerer os seus direitos previdenciários”, ressaltou.

Quais serviços prestados?
O Posto de INSS Digital, exceto os que necessitam de perícia, presta os mesmos serviços que uma agência tradicional. Confira a relação abaixo:
– Aposentadoria por idade, rural ou urbana;
– Aposentadoria por tempo de contribuição;
– Pensão por morte previdenciária, rural ou urbana;
– Salário maternidade;
– Cópia de processos;
– Benefício assistencial à pessoa com deficiência, ao idoso, à pessoa com deficiência (microcefalia);
– Revisão de benefício;
– Certidão de tempo de contribuição;
– Alteração na forma de pagamento;
– Atualização de dados cadastrais do beneficiário;
– Atualização de dados do Imposto de Renda – retificação da DIRF;
– Atualização de dependentes para Imposto de Renda;
– Atualização de Imposto de Renda para declaração de saída definitiva do País;
– Bloqueio/desbloqueio de benefício para empréstimo;
– Cadastramento ou atualização dependentes para salário-família;
– Cadastramento ou renovação de procuração;
– Cadastramento ou renovação de representante legal;
– Cadastramento de pensão alimentícia;
– Certidão de inexistência de dependentes habilitados – pensão por morte;
– Certidão para saque de PIS/PASEP/FGTS;
– Cessação de benefícios;
– Reativação de benefício;
– Reativação de benefício assistencial, suspenso por inclusão no mercado de trabalho;
– Solicitação de pagamento de benefício não recebido;
– Solicitação de valor não recebido até a data do óbito do beneficiário;
– Extratos e comprovantes.